sexta-feira, 21 de julho de 2017

Voltar aos sitios onde já fomos felizes





Este é um hábito que temos e que eu adoro: voltar a lugares que nos confortam o coração.
Se há coisa que gosto de fazer é reviver momentos, pessoas e lugares.
Um desses lugares é Évora, onde estivemos dois dias quando voltávamos do Algarve.
Eu gosto do Alentejo em geral (principalmente da costa vicentina) mas Évora tem um allure especial: são as pessoas simpáticas, são os recantos pitorescos, as ruas coloridas, é a Praça do Giraldo com as esplanadas cheias, são os bons restaurantes onde se comem petiscos divinos, é a história a céu aberto.

 





Desta vez ficamos num hotel muito simpático e minimalista. Adorei o conceito ecológico, a localização perfeita e a gentileza do staff.
Podem ver tudo sobre o Moov Hotel Évora aqui.

 






Évora, sendo uma cidade património mundial da Unesco, tem muito turismo e claro! muito comércio. Eu, que sou uma shopaholic assumida ( mas em recuperação…) perco-me nas lojas de rua, daquelas que vendem coisas tão preciosas que é mesmo uma pena não as trazer todas conosco. A minha loja preferida em Évora é uma lojinha com um nome delicioso: “Gente da minha terra” – como não entrar e comprar?! Impossível!!!







Depois, há todo um mundo de ruas e lojas pitorescas e apetecíveis, que vendem produtos portugueses absolutamente maravilhosos e que me fazem inchar de orgulho ao ver turistas pasmados com o que temos a oferecer no nosso país.

























Queria também destacar um restaurante, muito giro, onde vamos voltar de certeza. Quando forem a Évora não deixem de visitar porque vale mesmo a pena pela comida, pela maravilhosa sangria de espumante, pelo atendimento caloroso e informal, pelo bom ambiente, pelo sítio giro e perfeito para um almoço mais rápido ou para um jantar mais demorado, numa noite quente de verão.
O restaurante chama-se O Páteo e não tenho fotos do local porque estive muito ocupada a saborear o momento (literalmente!).

A história dos nossos dias em Évora fica aqui, em algumas imagens.

Mas, obviamente, que esta é uma história muito resumida porque há momentos que são só nossos e que não são partilhados. Por outro lado, é difícil pôr em palavras o que nos enche a alma e o coração porque não sai tão perfeito como foi, na realidade.

De qualquer forma, espero que gostem e que vos tenha inspirado a irem fazer as vossas memórias.

Obrigada por estarem aí,

Isabel

 

#English

Return to the places where we once were already happy ...

 


This is a habit that we have and that I love: returning to places that comfort the heart.
If there is one thing I like to do is relive moments, people, and places.
One of these places is Évora, where we stayed two days when we came back from the Algarve.
I like the Alentejo in general (mainly the coast) but Évora has a special allure: it's the friendly people, the picturesque corners, the colorful streets, the Giraldo Square with its filled terraces, the good restaurants where we can eat
divine snacks, is the history of our country presented like a museum in the open air.






This time we stayed in a very friendly and minimalist hotel.
I loved the eco concept, the perfect location and the friendliness of the staff.
You can see everything about the Moov Hotel Évora here.







Évora, being a Unesco world heritage city, has a lot of tourism and of course! much street shops. I, who am an assumed shopaholic (but in recovery ...) I lose myself in the street stores, those that sell things so precious that it is a shame do not bring them all with us.

My favorite store in Évora is a little store with a delicious name: "Gente da minha terra” (which means “people of my homeland”) - how can we resist and not go in and buy?! Impossible!!!











Then, there is a whole world of picturesque and attractive streets and shops that sell absolutely wonderful portuguese products that make me swell with pride when I see tourists truly amazed by what we have to offer in our country.






















I also wanted to highlight a very nice restaurant where we will return for sure.

When you go to Évora ( you will, right?!), do not miss it because it is worth it for the food, the wonderful sangria of sparkling wine, the warm and informal service, the good atmosphere, the perfect place for a quick lunch or a longer dinner in an hot summer night.
The restaurant is called “ O Páteo “ and I do not have photos of the place because I've been too busy savoring the moment (literally!).

The history of our days in Évora is here, in some images.
But obviously this is a very short story because there are moments that are only ours and that will not be shared.
On the other hand, it is difficult to put into words what fills our soul and heart because it does not come out as perfect as it actually was.
Anyway, I hope you like it and I have inspired you to come and make your own memories.

Thank you for being there,

Isabel












Sem comentários:

Enviar um comentário