sábado, 30 de abril de 2016

Vou ali e venho já...#1

Fazer uma ( suposta ) pequena mala para dois dias já não é motivo para uma dor de cabeça. 
A sério que não.
Estou curada da ansiedade que este tema me causava há uns anos atrás.
Esta serenidade conquista-se com a idade porque, quando era uma teenager, não tinha tanta confiança em assumir o meu estilo, queria sempre ter várias opções disponíveis porque tinha alguma ( se calhar era muita...) insegurança.
Então, na hora de fazer uma mala, tinha sempre "pano para mangas " para decidir o que levar comigo porque não conseguia deixar de pensar " e se eu precisar daqueles sapatos, ou daquelas calças, ou..."... 
Claro que ainda hoje não atiro meia dúzia de peças á sorte para dentro de uma mala mas também não deixo de dormir por causa disso (nem demoro um dia inteiro a despachar o assunto).
E como faço isso? Facilita-me muito a vida saber a resposta a três perguntas:

- Como vai estar o tempo? felizmente esta semana vai estar um tempo fantástico ;

- Vamos para a praia, campo ou cidade?eu vou para a cidade ( Lisboa);

- É trabalho ( buuuu!) ou lazer ( Yey!)? É lazer!!!!

Partindo das respostas a estas perguntas é muito mais fácil decidir e, sinceramente, para dois dias não há muito por onde matar a cabeça.
Depois, há sempre uma Zara ao virar de qualquer esquina onde nos podemos socorrer caso aconteça uma catástrofe tipo: 1- cair e rasgar as calças ( se bem que calças rasgadas até são trendy), 2-entornar um café ou um gelado na roupa, 3- perder a mala ( MEDO!). 
Enfim, nada de pânico que, de certeza, se arranja uma solução ( sou - ou tento ser - uma otimista ).

Assim, para saberem aquilo que decidi meter dentro da mala para estes dois dias que se seguem ( segunda e terça-feira) podem ( e devem !) seguir tudo no Instagram. Vou publicando quando puder e me apetecer porque, desculpem lá!, vou estar ocupada a ser feliz!!!
Fiquem bem !


Sem comentários:

Enviar um comentário